Vivendo o Rugby

CURITIBA RUGBY CLUBE
CATEGORIA: Instituição Pública (Entidade)
Título: PROJETO VIVENDO O RUGBY

1- Este projeto nasceu da vontade da diretoria do Curitiba Rugby Clube (C.R.C) em difundir o esporte, decidiram então que a melhor maneira seria ensinar as crianças a jogar rugby. Por tratar-se de um esporte que desenvolve valores como respeito, solidariedade, amizade, espírito de grupo e determinação entre outros, porém somente ensinar o esporte não seria suficiente, então decidiram que iriam usar o esporte como meio de inclusão e contribuir na formação das crianças colaborando para formação delas como indivíduos e cidadãos.

O projeto nasceu no ano de 2008, e vem se aperfeiçoando, temos hoje uma equipe capacitada para atender as crianças. Atualmente atendemos crianças de escolas seis municipais, duas escolas estaduais, uma ONG e um instituto.

Nossos alunos recebem o aprendizado no contra turno escolar. Trabalhamos de segunda a sexta-feira no período da tarde, em nosso campo que fica nas dependências do Paraná Esportes. Nestes cinco anos de existência já vivenciamos muitas alegrias, pois nossa experiência mostra o quanto acrescentamos no desenvolvimento de nossas crianças e também o quanto elas contribuem para nosso crescimento e aperfeiçoamento; prova disto que atendemos hoje 625 crianças onde todas são chamadas pelo nome e respeitadas dentro de sua individualidade.

2- Situação anterior a experiência: Anteriormente as aulas de rugby muitas das crianças ficavam sem atividade no período da tarde (contra turno escolar), sozinhas em casa ou na rua expostas a más companhias, e todo tipo de situação que cercam as crianças de classe sociais menos abastadas.

3- Objetivo: Dar oportunidade as crianças de escolas públicas de aprenderem um esporte amador possibilitando que se desenvolvam físico e emocionalmente dentro de valores onde somente a prática esportiva pode oferecer. Contribuindo assim para formação dessas crianças oferecendo-lhes novas oportunidades, através de um esporte olímpico pouco difundido no Brasil, mas que pode proporcionar muitas possibilidades.

4 CONTEXTUALIZAÇÃO DA EXPERIÊNCIA.

4.1 Condições socioeconômicas e culturais: As crianças participantes do projeto são moradoras das periferias de Curitiba e estudantes de escolas públicas. Algumas têm uma realidade de traumas familiares, e são criadas por parentes. (Avós, tias, etc.)

5- DESENVOLVIMENTO DAS AÇÕES:
vor5.1- JUSTIFICATIVA DO CONTEÚDO: O principal conteúdo trabalhado é o aprendizado do rugby, sua história, seus fundamentos e valores.
5.2- METODOLOGIA: Desenvolvemos uma metodologia segmentada onde o ensino foi dividido em 3 níveis de aprendizado, o R1 (ambientação), o R2 (desenvolvimento) e o R3 (aperfeiçoamento), cada nível tem seu grau de dificuldade específico e possui planejamento e avaliação condizentes com o estágio que cada criança se encontra. Isto possibilita um aprendizado gradativo onde a criança consegue acompanhar obter êxito e com isso melhorar sua autoconfiança e autoestima.
5.3- AVALIAÇÃO: nossa avaliação é dividida em COTIDIANA (dia a dia, através de observação informal) E AGENDADA (trimestral), onde a criança recebe o parecer de seu desenvolvimento e toma conhecimento de onde está evoluindo e onde ainda falta evoluir. Nas avaliações não constam somente itens técnicos mais também itens como: disciplina, pontualidade, companheirismo e comprometimento. Também fazemos semanalmente reuniões pedagógicas entre os professores, monitores e coordenação pedagógica para avaliar o planejamento e aplicação dos conteúdos.
5.4 PRODUÇÕES DAS CRIANÇAS: Nossas crianças são ensinadas e forma lúdica e sem objetivo de competição, porém ao longo do ano realizamos festivais de rugby entre as escolas participantes, onde elas podem mostrar o que aprendem durante as aulas, e interagir com alunos de outras escolas, o produto disto é muito satisfatório, pois elas adoram praticar o esporte e se sentem vitoriosas com as medalhas, pois todas ganham medalhas. É também a chance de familiares, professores e membros da comunidade acompanharem sua evolução na prática do rugby e no geral.

6- QUANTIFICAÇÃO
6.1- Número de crianças: Atualmente temos capacidade em atender 600 crianças distribuías em oito instituições de ensino. Cada escola tem um dia da semana específico e turmas de até 50 crianças (dividas em grupos de acordo com a idade).
6.2- Número de profissionais: dois professores formados, dez monitores (acadêmicos) e um supervisor (especializado).
7- FINANCIAMENTO DO PROJETO: Lei de incentivo fiscal Federal
8 – AVALIAÇÕES DOS RESULTADOS
vor2Podemos avaliar nestes oito anos de existência a contribuição na vida e na formação das crianças envolvidas no projeto Vivendo o Rugby, é notável o desenvolvimento físico e social que elas apresentam, isso se reflete em modificações comportamentais, melhora nos estudos, tornando-as mais autoconfiantes, dóceis e sociáveis, transformando-as assim em bons exemplos nas escolas que estudam.
O principal foco do projeto é educacional, mesmo assim também conseguimos contribuir na formação de atletas que vem se destacando e evoluindo no âmbito do desporto, com participação em campeonatos e seleção municipal, estadual e nacional, temos também cinco alunos vindos do projeto cursando a ensino universitário através de bolsa de estudos oferecidas pela UNIANDRADE, dois deles cursam Educação Física e são monitores do projeto servindo de exemplo do ciclo de inclusão que pregamos.

SOBRE O CURITIBA RUGBY CLUBE

Fundado em 1983, é campeão Brasileiro de Rugby XV e Campão Paranaense em todas as categorias.
– Ocupa o segundo lugar masculino e o primeiro lugar feminino no Ranking Brasileiro da modalidade Olímpica (Sevens).
– A equipe feminina foi Bicampeã Brasileira Juvenil 2013 com alunas vindas do projeto social e são as atais campeãs brasileiras com título conquistado no mês de outubro de 2015.
– A equipe M17 masculina é vice campeã na modalidade XV, e a categoria M29 CAMPÕES NACIONAIS também na modalidade XV.
– Seus projetos são apoiados pela Lei de Incentivo do Ministério dos Esportes, Governo Federal, Estadual e Prefeitura de Curitiba.
– Seu Projeto de Alto Rendimento é patrocinado por: CCR RodoNorte, Volvo, Uniandrade, Outback, Errea, Isotron, Favretto e VOX Bar.
– Seus Projetos Sociais são patrocinados por: CCR RodoNorte, Volvo, Banco Volvo, Nórdica, Nutrimental, Jacquet e Grupo Arauco.

Seu projeto social VOR – Vivendo O Rugby é o vencedor dos prêmios “Spirit Of Rugby” (conferido pela IRB – International Rugby Board) e Troféus Brasil Rugby de melhor projeto social e “Alma Rugby” para Leca Jentzsch, coordenadora do projeto.

Anúncios